quarta-feira, março 18, 2009

Constatação

Não tenho televisão em casa. BU!
Sim, é uma freakalhada. É cena de gajos do bloco, bué agarrados à erva e com as paredes forradas de livros do Rosseau, do Hegel e desses comunas todos, quadros deprimentes a traço e musica psicadélica. ( Para ter esse cenário, só me falta a erva, as paredes forradas de livros do Rosseau, do Hegel e desses comunas todos, quadros deprimentes a traço e musica psicadélica.)
Tenho sentido falta quando são 20:00 em ponto. O telejornal para mim é como uma missa ( em zapping por 4 canais ) , sigo religiosamente as notícias desde míudo. Agora, nem isso. E dá-me ideia que o mundo é um sitio melhor: nunca mais vi a Manuela Moura Guedes e o Vasco Pulido Valente a tentarem fazer sentido. Não vejo guerra nenhuma sem ser as que apanho da janela. não há Palestina. Não há crise. Não há Sócrates e manobras que metem os cabelos em pé. Não há notícias sobre limões de 4 kg e cabras de 2 cabeças. Não vi mais a Joana Latino. Não há terrorismo. Não vejo crianças com fome. Não tenho de ver o Chavez. Não vejo reformas de miséria. Não vejo centros de saúde à pinha. Não vejo o Obama há mais de um mês. Não sei como está a bolsa. Não sei se o Space Shuttle está no espaço ou não. Não sei se a policia anda a negar que espancou mais alguém. Não sei se há mais carjacking. Não sei de assaltos, a não ser os que vejo.

Se calhar ando a viver na ignorância. E eu a pensar que era no Lumiar.

10 comentários:

Jo Ann v. disse...

Fiquei um tempo sem televisão, mas eu não posso sem noticiários. O que vale é que dá para o 'JT' na net :-)

Mnemósine disse...

Então e a internet? Até pelo twitter podes receber noticias!

Prezado disse...

Eu não sei é se quero voltar a vê-las...

Fernando Lucas disse...

Isso de não ter Tv mas ter net, é um pouco balelas.
Eu vejo os episódios da serie LOST na net.

Prezado disse...

sim, a net serve de tv, na boa. A minha ligação é mesmo fraquinha, por isso posso adiantar que nem youtubes vejo.

Rita Martelo disse...

eu acho que toda a gente devia ficar sem TV uns tempos, era uma experiencia gira. Talvez desse mais tempo para pensar na vida. Mais tempo para respirar ar puro, Nao so baixava a conta da electricidade como as pessoas teriam outros motivos de conversa...talvez devessemos fazer o mesmo com os telemoveis!

Edson Medina disse...

Bem-vindo ao meu mundo.

Não conheço sequer a maioria dos nomes que mencionaste (para não falar nos eventos).

Todo esse ruído da comunicação social aborrece-me de morte.

Fernando Lucas disse...

rita martelo... isso para mim só nas férias, no dia-a-dia seria a morte para mim.

Mamã disse...

Olha é bom estar na ignorância, mas há alturas em que o que nos faz falta também é sentar e não pensar na vida, e por isso é que a TV é fundamental.

Prezado disse...

"fundamental" não diria... diria até há umas semanas atrás. Mas agora não.
habituei-me a ouvir-me pensar. e não estou na ignorância, só não tenho é aquela onda de 4 canais a martelar-me aos ouvidos que há incendios..

Claro que é bom meter a cabeça em coma a ver filmes da tarde, mas o tempo que se perde......