quinta-feira, novembro 22, 2007

Ora revejam lá isso

Depois de ver isto ali na rua, tenho de dar aqui uma rápida "introdução à publicidade". Eu bem quero evitar trazer essa porcaria aqui à baila...
Quando se pensa numa campanha, tenta-se encontrar um conceito amplo que consiga abrigar várias formas de contar a mesma história e através de vários meios: mupi, imprensa, tv. Aqui, o recurso foi "o seu escritor favorito" como foco principal, oferecendo um jantar exclusivo. Sendo o "meu" favorito a promessa, depreende-se: Há vários escritores. Vários escritores, repito. Havendo vários, quem é que quer ganhar um jantar com o José Rodrigues dos Santos?

Foi ele o primeiro a ser lançado. O único com a agenda desafogada?

8 comentários:

gigi disse...

Ainda não li mas ouvi dizer que o senhor é um bom escritor. Por pessoas surpreendentes.

Perdido disse...

Isso é a escrita. Estou a apontar ao charme do senhor (às orelhas era mais fácil não errar a pontaria, e mesmo assim evitei). Da escrita eu não disse nada, também já ouvi dizer bem. Eu também, uma vez escrevi uma coisa com piada, e depois ao vivo, é o que se vê...

Porcos no Espaço disse...

Eles assumem que o escritor favorito da pessoa seja o José Rodrigues dos Santos.

Daqui a duas semanas há-de ser outro. Nao te preocupes, é só publicidade.

Perdido disse...

Ó PNE, é impressão minha ou estás a explicar a campanha?

Regra geral, o primeiro impacto é o mais importante. E estamos a falar do José Rodrigues dos Santos. Eu sei que o binómio escritor/charme-pessoal é complicado, mesmo para publicos que, por exemplo, dizem que o Santana Lopes "é charmoso"...

E mulheres? jantar com a Margarida Rebelo Pinto, há voluntários?

Vee disse...

Concordo com o porcos no espaço. Deve haver uma série deles (de escritores) e deve ser um jantar de aniversário que a Bertrand irá "oferecer", mas não um jantar a dois, mais a dois centos ou assim... Os outdoors e essas coisas que rolam e mostram 3 anúncios diferentes (se calhar também se chamam outdoors, lá que estão no exterior, estão!) devem estar espalhados pela cidade, e cada um deles convidará a jantar com um escritor diferente. Digo eu... lol

Cerejinha disse...

Reparei no mesmo, ao abrir o site da Bertrand.
Mas quem é que lhes disse a eles que o meu escritor favorito era o JRS? Nada contra, mas confesso que preferia outro: um Gabriel Garcia Marquez ou Jostein Gaarder ou até o falecido Eça de Queirós, quiçá :-D

Jantar com a "Marca Registada"??? Ora...essa é anedota, não? e fala-se de quê? Sapatos com berloques, deve ser :-P

Susana Rodrigues disse...

Oh, oh Bruno... e tu ainda te chateias com isso? :S

Perdido disse...

Chatear-me? não. Só perguntei aos meus botões se no meio de tanto escritor, não haveria um que eu achasse menos melga...