segunda-feira, agosto 23, 2010

O ponto mais baixo da minha vida

Acordei hoje a meio da noite com suores frios. Sentei-me na cama, cabeça entre as mãos, ofegante, a tentar esquecer o pesadelo ainda vivo e fresco na memória. O ponto mais baixo da minha vida, há anos atrás: Eu vi logo, quando pegou na pandeireta e distribuiu folhas com versos, não podia ser nada para melhorar a minha vida.
Depois, foi ter de ouvir pessoas que cantam tão bem como eu - minto, eu canto melhor - a seguir uns versos escritos por um superior hierárquico com parcos conhecimentos de métrica e pudor, sobre a linha melódica do Jingle Bells. Isto, prezados leitores, é como Auschwitz, recibos verdes ou José Castelo Branco: ninguém merece. Para quantificar a vergonha alheia que sofri, imaginem alguém a roburescer de moreno a moreno, passando por todo o espectro visivel de cores - e com picos de ultra-violeta - e no fim cheguei a ouvir apitos e ver triangulos às cores.
Tomei 2 guronsans, 3 xanax, dialoguei 10 minutos com uma meia enfiada na mão que insistia que eu devia tomar mais um xanax e fui deitar-me outra vez.

10 comentários:

Rachelet disse...

Creepy... aliás, todo o mundo académico é assustador. Não sei porque é que há pessoas que encarneiram voluntariamente nisso.

Prezado disse...

Académico? Isto não é uma tuna, apesar de parecer o mesmo tipo de descalabro.
É uma empresa.

Há pessoal que delira com isto, sim. Freaky.

Devia haver a legislação contra o team-building, assim como há para o bullying. É o mesmo tipo de abuso. Também posso invocar a figura do objector de consciência.

Rachelet disse...

Ah bom, interpretei literalmente a parte "pesadelo ainda vivo e fresco na memória. O ponto mais baixo da minha vida, há anos atrás: Eu vi logo, quando pegou na pandeireta e distribuiu folhas com versos".

Prezado disse...

POIS! estás a ver a gravidade do caso, agora?

ar disse...

sei do que falas... angustiante.

xuxidiva disse...

entao e a parte do jogares Spectrum foi puro delirio? eu acordei com o pesadelo do tanque de agua quente e uma vizinha chamada Pilar a dar murros na minha porta e a dizer que estava com um inundacao, " the pans are swimming.." isto tudo culminou hoje de manha com o episodio do willie nelson-claus e as lampadas do Obama, pelo meio falei com alguem que afirmava estar a jogar Spectrum...mas eu nao tomei nada

Mak, o Mau disse...

Pensei que era o regresso dos ácidos, mas não, é pior...

Anónimo disse...

Eu estava lá. Também fui obrigada a participar. Fiquei com dores de barriga de tanto rir a ler isto.

Prezado disse...

Peço desculpa por reavivar memórias tão duras.

Malena disse...

Antes a meia que o boneco Chuck! ;)