quinta-feira, maio 22, 2014

Estudos indicam

Portfolios e CV's, um estudo científico.
Análise estatística sobre eficácia, baseada em empirismos e truismos.


Dada uma quantidade de CV's e Folios suficiente para amostra, conduziram-se testes e analizaram-se conteudos bem como reacções da entidade patronal - sob pena de embolia subita para esta.
Os resultados foram compilados e associados a case studies representativos das caracteristicas mais fortes de cada um, fazendo a vez de poster-child de cada drama pessoal que encerram.

Case 1
O Criativo
O criativo é um caso de hiperactividade ao nível demonstrativo. Se um CV deve ser apenas um A4 com Arial a corpo 12 com linha e meia de entrelinhamento, o criativo não vai guardar as habilidades unicas e especiais que tão mal guarda só para si e vai usá-las logo no CV, eliminando a ultima sombra de seriedade que podia mostrar ao futuro patrão. Um CV de um criativo é quase sempre, um PDF. Porque o criativo tem de usar fontes, cores, fundos, efeitos especiais e tudo em tudo o que faz tudo.
No portfolio, o céu é o limite. Tanto pode continuar no PDF como inventar formatos inauditos. Caixas de Nestum. Latas de amendoins. Sandes de presunto. Videos. A internet infelizmente ajudou a espalhar alguns exemplos ( sempre espalhafatosos e primários ) de "o melhor currículo do mundo". O melhor curriculo do mundo só é classificado assim por:

1. Quem não sabe. 2. Quem foi contratado / contratou graças a ele ( isto são 2 pessoas ).

E claro, não tem em conta os milhares de "melhores currículos do mundo" que ficaram pelo caminho, no fundo da pilha.

Case 2
O Robinson Crusué
O Robinson Crusué é anti-materialista. Isolado na sua ilha anti-internet, anti-software e anti-sociedade, ataca uma candidatura como quem ataca um urso com um pau afiado: mal. Envia o CV com um email inesquecível, como robbombanashoras.1benfica@esoterica.pt, tanto inclui - aqui há duas escolas distintas, os anal-retentivos e os verborreicos - só a informação necessária a perceber-se que pertence ao grupo de pessoas capaz de enviar um email como todos os eventos extra-curriculares, desde o crisma até à missa do sétimo dia. Nunca ouviu falar do linkedin, o folio é um pdf ou uns jpegs em attach no email. Se enviar links para sites, vão estar offline. Ou dar a uma lata de amendoins.

Case 3
O lateral-esquerdo
O lateral-esquerdo pode ter um pouco de criativo e de crusué. Mas o que o distingue é a capacidade de achar que um conjunto de habilidades específicas de que é capaz, por exemplo limpa-chaminés pode vir a ser util para quem precisa de um baterista. O lateral-esquerdo passa todos os jogadores em campo por ser tão diferente dos outros e vai sempre directo ao poste. De testa.

Case 4
O Relvas
O Relvas não envia currículos.


No Febre dos Fenos foi onde as considerações sobre Curriculae começaram.

1 comentário:

São João disse...

Só te faltou aí o grupo das fofinhas, que escrevem tudo em diminutivos e têm o portfolio todo enfeitado com flores e "brabuletas".