terça-feira, fevereiro 22, 2011

Aproveitar o sol

Lá nos reinos das Valquirias, há uma obsessão com o sol. Aproveita-se todo. Cá, como há tanto, a sua ausência é temida, a sua presença, desprezada. Passo à porta do tasco com o toalhete de papel colado com fita cola na porta: "temos sala  no 1º andar e esplanada". Esplanada. Porreiro. Está sol. Vou comer na rua.
- Boa tarde, a esplanada lá atrás, por favor.
- Esplanada?
- Sim, está aberta?
- ah não é bem uma esplanada... É um quintal, 'tá a ver? 'tá um pouco desarrumado.
- ....
- E além disso está frio...
- Pois, estava a ver se apanhava sol...Boa tarde então.
- Não, ali nem apanha sol.
Pronto, lá fui para uma cave escura comer e fustigar-me por acreditar em coisas escritas num losango de papel.

4 comentários:

Plim disse...

Publicidade enganosa!! xD

Manuela disse...

Caro Prezado, por cá... como quem diz! Por aqui chove, mesmo.

marta morais disse...

aposto que nem era um losango, era só um quadrado assim rodado a 45 graus...

Prezado disse...

Olha, queres ver que passaste no mesmo restaurante? onde era?