terça-feira, janeiro 10, 2012

Andar de óculos ainda vai

Design de informação, editora BlauerRaitér, 2012
Os Lisboetas cansam-me. Têm uma cidade altamente para passear, cheia de colinas para descer ao sol e insistem em tentar implantar cá modas de capitais menores, planas, sem interesse. Bicicletas londrinas, flashmobs nova-iorquinos, triciclos barcelonenses, sapatos parisienses. Tudo coisas que nunca vão dar jeito para exibir a subir o Chiado, felizmente. Andem a pé que faz bem, porra.

8 comentários:

Izzie disse...

Hell yeah. O passeio à Feira da Ladra também é a minha ideia de exercício (vou a pé desde casa). E depois desce-se até Santa Apolónia, para reabastecer com secretos bem tostadinhos e uma mousse (se ainda houver espaço) que nem te conto. Maçã Verde, tasco, fica a dica.

Prezado disse...

Eu vou sempre a pé para lá, desde que vivo aqui, neste sítio. Mas isso dos secretos soa-me bem. É onde esse tasco, mesmo no largo da estação?

Izzie disse...

Quem está de frente para a estação 8entrada principal), é seguir pela rua da esquerda, até ver tasco de sua graça Maçã Verde. Mesas de fórmica, cadeiras velhas, arca de peixe à porta. Come-se bem ;)

Prezado disse...

Nunca reparei. E já passei aí centenas de vezes.

Jibóia Cega disse...

Izzie, registado. Obrigado pelo serviço público.

Rachelet disse...

Blauer Ráiter. LOL. Dariam voltas no túmulo.

Prezado disse...

Este estaminé é só pessoal de craveira intelectual. Rachelet, isto é um pouco menos deprimente...

Maria disse...

Gosto muito. Devia fazê-lo mais vezes. Tenho a desculpa de não morar em Lisboa... Sou suburbana. Mas volta não volta, vou à cidade. E levo os olhos abertos.