segunda-feira, novembro 08, 2010

Fim de semana, fecho para balanço e afins

Perdido na LX Factory, a ver os eventos e os pseudo eventos que só acontecem no Facebook, andei às voltas para encontrar o pessoal do costume. O D.J. oldschool de serviço, fonte de cultura musical inesgotável, mas que foi incapaz de passar isso ao filho - D.J. também - que faz sets de musica de carrinhos de choque. Encontrar pessoal conhecido e amigos da universidade. Mais 10 anos em cima, mas as conversas não mudam muito. Leituras pontuais da "Kodakização e despolarização do real : para uma poética do grotesco na obra de Fialho de Almeida" ao som de Bowie e debaixo de imperiais, na Ler Devagar.
Salto para o Cais do Sodré. Dança-se. Sol nasce e da Bica vai-se para casa, andando.
Guronsan, o amigo japonês, ajuda-me a levantar para mais um dia.
Jantar marcado, a companheira de casa pergunta-me se a túnica preta com berloques é melhor que a túnica preta sem berloques. Na verdade não faz diferença, não gosto de túnicas pretas. Entrada em jantar com amigos muitos: " Prezado, temos aí uma supresa para ti. Tens aí um amigo de infância na cozinha."
Pensei, estes cabrões estão a gozar, tá ali um zx spectrum ligado na sala?? não pode. Ah, afinal não, era mesmo um amigo de infância na cozinha. Segue-se animada conversa onde se encontram as memórias de há 15 anos - interessante como são comuns em tantos pontos: as férias onde eu me estatelei de bicicleta de uma gare de um comboio abaixo, armado em cromo da BMX, as passeatas num 2CV reconstruido à mão, um engate falhado em 1991, as férias no Algarve, as aulas - e as devidas mazelas com o que o tempo nos agraciou, nomeadamente pais a menos, peso a mais, paciência a menos.
Desencontros dançados no Cais do Sodré, interrompidos pelo corte do som pelo dono do bar, clamando pelo silêncio à hora que manda a lei. Acho que não era essa a preocupação real, o problema real era a má qualidade da dança e o mau nível de Air-guitar.
Sendo que ainda há pouco assisti ao Benfica a levar na pá à grande e que sendo o 3º jogo que vi este ano, reitero que a visualização de jogos deve ser feita numa tasca repleta de ferrenhos, de preferência bem regados. Depois, levei uma cabazada no snooker tão grande como o Benfica levou na bola mas não jantei sapos.
A partir de amanhã, o Prezado começa uma nova fase de trabalho. Wish me luck.

6 comentários:

Manuela disse...

Ai Prezado, que vida boa, era a de Lisboa!
Good luck!

Crente disse...

Só para desejar boa sorte nessa tua nova fase :)

senhorita valdez disse...

http://www.youtube.com/watch?v=rlIAmCfHzbg

depois contas como foi.

Tulipa disse...

Good luck! kiss

Mak, o Mau disse...

Força meu caro.

Regaremos certamente novo repasto, para uma actualização de conteúdos ou, no limite, dizer mal das mesmas cenas do costume.

Prezado disse...

Prezado sobreviveu ao round 1. Obrigado a todos!