terça-feira, março 01, 2011

Perseguição

Ali o tipo do casaco azul está lá sempre e começo a desconfiar que tem qualquer coisa contra mim. Cheira-me que anda a preparar alguma. Topam a pinta? Sim aquele o dos ténis. Ó palhaço do caralho apanho-te a jeito parto-te a boca ouviste? vou andando que não se pode confiar nestes gajos. Meti-me em santa apolónia escondido entre duas carruagens e só saí no Entroncamento. Depois apanhei o outro aquele que se levantou da cadeira agora sim tu ó palhaço tás a olhar pra onde ó meu barda-merda ? vem cá vem larga a cadeira larga larga foda-se deixa-me caralho larga a cadeira antes que me magoes com isso vais ver palhaço palhaço sim sobe cá acima A Amália? a Amália o quê caralho desculpas! sobe se és homem Panteão o caralho sobe que te parto a boca toda sim pé de cabra nos dentes fodo-te todo palhaço não sobes tu, sobe lá pois, não sobes, menino.


6 comentários:

Éme Ponto disse...

Denoto uma certa descompensação, caro Prezado.

Veja lá isso...

.:GM:. disse...

Bonito. Há umas cenas de "anger management".

Prezado disse...

Notou-se muito, Éme?

Mas já passou. Precisava do exorcismo ah tão bom.

nome disse...

muito bom

M disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Éme Ponto disse...

Folgo em saber que estás melhorzinho e que vais entrar no caminho da rectidão, amar todas as criaturas, ainda que escrevam com Ks e que digam "puto" e "míuda" e "ya" em cada frase.

Se vacilares, continua a largar caralhadas.