sábado, março 13, 2010

Da crueldade

Aquela mania de arrancar cabeças de formigas à tesourada, nas tardes de verão, afinal evoluiu para formas mais subtis de tortura, mantendo a proporção e pontaria.

2 comentários:

Capitu disse...

Que horror. Uma pessoa assim deveria pagar caro por essas atrocidades: um ano no Tibete, é o mínimo.
Capitolina

Prezado disse...

nem eu mereço.