quinta-feira, agosto 01, 2013

O Mandela

Hoje o debate à volta da história do Mandela deixou-me surpreendido, apesar dos humanos me surpreenderem cada vez menos.
Não conhecia a história de lado nenhum e só procurei saber o importante:
O Zico é um cão. Parece que matou um miúdo. Ficou provado, até. Para não ser abatido ( diga-se que essa história de abater animais por decreto parece-me algo mal resolvido, mas ainda assim uma hipótese na mesa, especismo é necessário ), foi preso. Quando o libertaram, batizaram-no de Mandela, nome de um tipo famoso que esteve preso uns anos por defender umas ideias revolucionárias.
Até aqui e visto daqui do Olimpo onde vivo, parece-me só um caso de humor. Um cão estava preso, soltaram-no, chamam-no de Mandela. É uma piada popularucha. Assim como um tipo com barba comprida passou a ser "O Taliban" ou um gajo notoriamente corrupto pode ser chamado de "Isaltino", o Zico passou a ser chamado de Mandela.
Mas não. Os animal-lovers não têm sentido de humor. É uma impossibilidade. Quando chega a animais, é impossível fazer uma piada. É como ter comunas ferrenhos a fazer piadas com pobreza ou a dondoca da Comporta a fazer piadas com o menino Jesus ( ou com comunas ). Os fundamentalistas não fazem piadas com o que lhes é caro.
 Assim, assisti a algumas pessoas que tomava como normais a defender que a história do Mandela não é uma piada. Não, afinal é mesmo uma história de libertação, de justiça. Mas qual é a figura legal de animais? figura de urso? O que venho aqui acrescentar é que sei de cães que não pensam o mesmo. Não querem ser parte desta bandalheira em que cães culpados são libertados ao fim de uns meses. Exigem segurança nas ruas e que culpados sejam punidos. Abatidos não, talvez. Mas punidos, decerto. Que a lei seja cega, mas que de tempos a tempos possa ver a preto e branco.

Nota: O fim da net vai ser causado pelos trolls. Por ordem de responsabilidade: cat e animal lovers, bimbos das conspirações e burros no geral.

11 comentários:

São João disse...

Ia dizer para adicionares as fofinhas à lista ds assassinos da net mas as fofinhas inserem-se todas em qualquer uma da hipótese mencionadas anteriormente. ou em mais do que uma.

acido acetilsalicilico disse...

" Os fundamentalistas não fazem piadas com o que lhes é caro." É verdade, perdem o sentido de humor. Mas é para isso que existem os humoristas.

acido acetilsalicilico disse...

...E assim o cosmos volta a estar equilibrado, portanto. :p

Prezado disse...

Fofinhas é o que provavelmente Lineu classifica como Lovers. O Lover é aquele cuja paixão é incompatível com a razão.

Prezado disse...

O Cosmos ainda está desequilibrado, porque há mais trolls do que nunca.

Anónimo disse...

Sou uma animal lover assumida e não concordo nem com a escolha do nome nem com o burburinho que se gerou á volta deste caso mas algo de muito estranho se passou aqui: a lei portuguesa é clara e diz que o animal que provoca a morte a um ser humano deve ser abatido portanto talvez o que se retire daqui é que em tribunal não ficou provado que a morte da criança tenha sido causada pelo mesmo.E já agora a intolerãncia manifesta-se de muitas formas sendo expressa em muitos casos por quem diz não se comprometer com qualquer causa ou fundamentalismo...

Prezado disse...

Anónima:

Sou fundamentalmente intolerante com intolerantes. Isso é fundamental.
Contra burburinho e parvoice e é só um caso de justiça então? Então acabou bem e calhou-me aqui a única animal lover racional.... o que é estranho. Nenhuma das minhas teorias foi provada falível até hoje.Vou fazer um teste:

Gatinho abandonado.

Prezado disse...

Melhor: Gatinho cinzento abandonado.

Lia Ferreira disse...

Opá, como sabes sou muito fã do meu cão (15 anos na próxima 3ª, by the way) mas sempre disse que se alguma vez ele se armasse em parvo (com as miúdas, principalmente) eu seria a primeira a dar-lhe cabo do canastro e matava-o na hora.
Esta história do Zico é absurda e o desfecho é escandaloso. Fanáticos. E a lei permite uma coisa destas...

Prezado disse...

E disseste isso ao cão?

Lia Ferreira disse...

Claro, jogo limpo. :)