quarta-feira, julho 28, 2010

Esta cidade tem sempre histórias, basta sair à rua

"isto tudo para quê, eu não como isto tudo!" - repetia o tipo de barba por fazer, enquanto tirava de dois sacos de plástico do supermercado, guardanapos de papel que ia atirando pela janela do autocarro.

1 comentário:

Capitu disse...

Hã? Relata lá tudo...