domingo, julho 18, 2010

Portal interdimensional

Tenho de forjar um novo mapa mental do caminho para a nova casa. Insisti até agora que é no Saldanha, mas vou ter de rever essa história. É no Saldanha porque é por onde me leva o caminho daqui do Lambert até lá. E os meus caminhos são uma tanga: Não são feitos com base em sinalização, transportes públicos, conforto, distância. Geralmente é a máquina fotográfica que manda. É Saldanha, porque se vou daqui para ali, tenho de passar por uma rua atrás do Campo Pequeno que tem umas montras surreais, pela esplanada do Galeto, pela praça do Saldanha, pelos prémios Valmor mais próximos e só depois interessa chegar a casa.
Isto é a vista lambertiana do caminho, só. É que afinal aquilo está igualmente perto do IST. Do jardim do Arco do Cego. Da praça do Chile.

3 comentários:

Mak, o Mau disse...

Saldanha é bom, saldanha é fixe e quando lá vou parar dia sim, dia sim, as vezes esqueço-me disso. E se gostas de tascas e grelhados entao posso dar-te mais um caminho ou dois.

Prezado disse...

no outro dia que lá passei por caminhos por desbravar, para ali para os lados do IPF, vi umas coisas interessantes de relance. Venham daí dos mapas.

Malena disse...

Venham daí as fotos! :)